Projecto de remodelação de moradia antiga no Porto

Projecto de remodelação de moradia antiga no Porto

Prentendeu-se de inicio neste Projecto de remodelação de moradia antiga no Porto criar um espaço contemporâneo, que valorizasse a zona e definisse e funcionasse como uma semente, valorizando a zona, e sugerindo de forma subtil a continuação de um comportamento de investimento em construções vizinhas. Este exemplo que se pretende dar, de investir numa ruína, transformando-a num edifício contemporâneo com imagem forte, terá tendência a valorizar a zona, e definir um padrão para investimentos futuros na proximidade. Como já tivemos oportunidade de o fazer em outros investimentos, um objecto singular tem tendência a valorizar o envolvente, sugerindo que a zona tem potencial, potencial esse que neste momento está invisível.

Pretendeu-se desenhar uma moradia com uma imagem forte que se adaptasse às ambições do dono de obra, ao mesmo tempo que marca a zona, definindo um padrão elevado para construções e remodelações futuras.

Para tornar o investimento interessante e valorizar o imóvel, aumentámos um pouco a área, criando novos espaços de estar interiores e exteriores. Considerámos assim um elemento que se pudesse encostar à fachada que aumentasse a área do piso -1 criando uma sala para o jardim, e, ao mesmo tempo, criasse zonas de estar exteriores na fachada Poente. Este elemento avança em relação à fachada existente e alinha pela fachada tardoz do edifício contíguo (o Hotel).

O edifício do Hotel tem um avanço na fachada principal. A intervenção proposta para a fachada da Av. Faria Guimarães procurou criar uma relação com o edifício contíguo, ao mesmo tempo que sofre uma intervenção na mesma linguagem da fachada posterior. A varanda existente nesta fachada foi envolvida por um elemento que alinha pelo final da varanda e se destaca do resto da fachada.

Os elementos que irão aparecer na fachada serão recortados de forma a criarem algum dinamismo.

arquitectura – 38N9W
engenharia –

04 copy